Voltar para listagem
Autor(a):

Uma Linda Janela

bemvindo@umalindajanela.com

Somos casados, apaixonados e acima de tudo estamos unidos para enfrentar qualquer adversidade e vamos compartilhar a experiência da passagem do câncer de mama em nossa vidas. Concluímos que independente da paisagem, é possível olhar pela janela e captar sua beleza, seja ela qual for.

/Linda e Caio

Um bom look transforma!

O câncer inevitavelmente traz mudanças para as nossas vidas. É tudo intenso, a rotina muda completamente, o senso de importância sobre as coisas passa a ter um peso diferente, alguns sintomas te debilitam, sua cabeça não para e ainda seu corpo passa por muitas mudanças. 

Sou da teoria do copo meio cheio, acredito no aprendizado que tiramos de tudo isso, ainda que minha sinceridade excessiva confesse que é um saco, nem tudo são flores (obviamente). Mas já que temos que enfrentar essa etapa, que majoritariamente do nosso tempo, seja com um sorriso no rosto, assim como contei nesse último texto aqui.
Sou super fã de alguns recursos que temos à disposição para ajudar essa jornada. 
Da primeira vez que tive câncer, usei peruca e me senti mais confortável e confiante.
Na segunda vez assumi a careca mesmo, ainda que de vez em quando optasse por lenços ou turbantes. Estava me achando estilosa demais e na maior parte do tempo me achava linda kiss

Agora, a grande descoberta que tive desde o início, foi a de usar e abusar de tudo que me deixasse mais bonita. Uma roupa f*da, ou aquela confortável mesmo, que nem é tão legal, mas te faz sentir você mesma, com o caimento simples e perfeito. 
Acho o máximo esse poder que um pedaço de pano tem. 

Sempre fui apaixonada por roupas, não por moda, mas por roupas mesmo.
Aquilo que ajuda a formar as suas características, sua personalidade, sua cultura. A capacidade de você se olhar no espelho e sorrir quando algo te faz sentir mais bela. Quando aquela cor realça sua pele ou seus olhos. E o mais impressionante de tudo isso, que não precisa ser caro. 

 

"Levante-se, vista-se bem e apareça." (Regina Brett)

 

Apesar de tudo que passei, me mantive vaidosa e esse sempre foi meu lema, me amei incondicionalmente, logo, brincar com lenços e fazer combinações ficou divertido. Ou quando simplesmente colocava a careca “pra jogo”, caprichava nos brincos, já que estariam mais em evidência, na maquiagem e acessórios. 
Os recursos estão aí aos montes para nos ajudar a passar por esse momento difícil, não se acanhe em usá-los, desde que seja útil, agradável e alegre.
Aposto que você vai ficar mais de bem com a vida.

 

Aliás esta semana tem o bazar da Fundação Laço Rosa e já estou como!? surpriseheartyes